sábado, 19 de setembro de 2009

Indiekiddin apresenta: Fitz & The Tantrums!


Sabe aquela frase que diz que "Até um pé na bunda te empurra pra frente"?! Pois é, para Fitz ela serviu como uma luva. Depois do término de um relacionamento, ele resolveu botar as mãos na massa e, sem querer, fez um dos melhores EPs do ano até agora, o Songs for a Breakup vol. 01. Lançado em agosto pelo próprio músico, o disquinho traz cinco faixas que nos levam a uma viagem de volta no tempo, aos ecos esquecidos dos cantores americanos de soul dos anos 70. E é uma viagem genuína, sem forçação de barra. Tanto que ao ouvir, você vai querer ter certeza de que estamos falando mesmo de disco de 2009.
A história começa assim: um dia, Fitz estava de bobeira quando o telefone tocou. Era sua ex dizendo que um vizinho estava de mudança e por isso vendia tudo, inclusive um velho órgão, desses de igreja. Ela não sabia detalhes sobre o instrumento, nem se funcionava. As única informações eram o preço e que ele precisaria ser retirado naquela mesma noite. "Treze telefonemas para que alguém pudesse fazer a mudança e 50 dólares depois, quatro caras estavam tentando passar essa coisa pela minha porta da frente. Esse foi o começo" diz Fitz em sua página no MySpace.
Mas a participação da ex namorada do cantor não acaba aí. Todas as letras das músicas do EP são em "homenagem" a ela. Breaking the Chains of Love foi composta na mesma noite em que o orgão chegou a casa de Fitz e foi o pontapé inicial para que as outras quatro faixas fossem escritas.

Songs for a Breakup vol. 01 foi inteiramente gravado na própria sala de estar do músico, com a ajuda de um microfone e claro, do velho órgão. As músicas transparecem suas influências: muita Motown e Stax, os primeiros discos de Hall and Oates e outros tantos cantores do final da década de 60 que preenchiam a programação das rádios AM americanas. Coisas que este francês ouvia na infância, quando foi morar nos Estados Unidos com a familia ainda criança.
Por enquanto não há previsão de um full leght e Fitz segue em turnê pela América acompanhado pelos seus amigos de banda, o The Tantrums. Aliás, os shows tem sido bem elogiados, o que fez com que os caras fossem convidados para abrir o show do Hepcat e do Flogging Molly dia desses. O superprodutor Mark Ronson já virou fã da banda, um indicativo de que Fitz & The Tantrums possa não estar tão longe assim do mainstream. Enquanto o disco não sai, veja abaixo os vídeos já lançados pelo grupo e ouça o EP Songs for a Breakup vol. 01 na íntegra no Myspace. O desafio aqui é ficar parado, sem ensaiar aquele "air piano", passinhos de dança ou não acompanhar o backing vocal!

Video: Winds of Change


Video: L.O.V. Performed Live at Candor Studios


Video: Breaking The Chains of Love



Nenhum comentário:

Postar um comentário